sexta-feira, 25 de junho de 2010

Conclusão

Em física, radiação é a propagação da energia por meio de particulas ou ondas. Todos os corpos emitem radiação, basta estarem a uma determinada temperatura.
Radioatividade é um fenômeno pelo qual os núcleos atômicos sofrem transformações e emitem radiações, podendo, nesse processo, formar novos elementos químicos.
Existem várias leis para explicar como há a ação da radioatividade, e a consequência da mesma é muito devastadora, tendo como exemplos claros a tragédia de Chernobyl e do Césio 137. Ambas nos mostram as proporções desastrosas as quais a radioatividade é capaz de gerar nos seres humanos. Dentre outros efeitos, quando em contato com seres vivos, a radioatividade pode causar cancer e mutações genéticas nas futuras gerações.
Toda essa tragédia pode ser evitada. Desde que o governo e as pessoas se conscientizem do poder de destruição de produtos radioativos, e consequentemente, se preocuparem, por exemplo, em relação ao lixo radioativo e aos lugares onde o mesmo pode ser depositado, uma vez que essa é a situação mais frequente de contaminação.

Um comentário: